Três quartos

escrito por Fabi Estiga nesta data  6. março 2010 23:17

O dia até que rendeu. Achei que ia ir com a camisa do Grêmio, mas a gola me irrita muito o pescoço. Frescuras a parte o dia foi de uma chuva que chateou os agilitistas. No início da tarde parou e no final dela fez até um solzinho, daqueles que não fazem diferença, não esquentou nem secou lhufas.

Minha participação com o Schummy foi legal. A primeira pista nervosa me rendeu um excelente e o 10º lugar entre os Standards. Confesso que não esperava e até comemorei ter completado. Na segunda fiquei no ponto que me preocupava (túnel na subida da passarela). Uma pena. Apesar de não estar zerado, passando daquele ponto a pista era fácil. Esse foi o combinado do Giovanni Barsanti que montou dois percursos travados e péssimos para o Schummy.

Nas duas pistas da 4ª etapa o árbitro era o Ernesto. Mais abertas e corridas eram mais a cara do Schummy e suas bandas grandiosas. Consegui completar as duas com um muito bom e um bom. Errei as duas entradas de slalon nessas pistas, ambas por relaxamento.

No geral foi bom. Marquei 18 pontos nas duas etapas, três e quinze. Faltou entrosamento e ao mesmo tempo senti que as coisas foram se encaixando durante o dia. Senti ele cansado na última pista, tanto que no final do Jumping da 4ª etapa corri mais que ele. Isso é um sinal. Alias vi vários dogs e condutores assim, com as baterias fracas.

A pista abaixo é a volta a grama sintética:



Enquanto que essa foi a última do dia. Dois refúgos, strike no muro e um out pelo lado de fora do qual me orgulho de ter feito. Falei com a Vivian que não ia dar tempo de chegar lá junto pro pivô. Acho até que ia ser feio. "Se fosse o Bola era certo" comentei com ela. Bola tem facilidade de fazer esse out onde você deixa o salto pro cachorro e sai da trajetória dele. Treinei isso na pré-pista, fiz umas quatro vezes e consegui na prova. Ganhei o dia.



Tags:

Comentários

Fabi Estiga

Mais, nas redes sociais.




Agility Esporte - divertimento acima de tudo. Se você faz agility e não se diverte é porque está fazendo errado. Acima de qualquer coisa respeite seu cão, lembre-se que ele nunca erra, não tem culpa e não pediu para praticar o esporte. Assim o bem estar de ambas as partes é primordial sempre. "Praticar é preciso, divertir-se é necessário!"