240

escrito por Fabi Estiga nesta data  28. junho 2017 19:24

(Eu hoje mesmo quase não lembro/Coxilha 16º) Ainda sobre o evento de Fuscas e Derivados do final de semana. Não foram 180 carros como citei nesse vídeo, foram 240!!! Abaixo a foto do evento.

Nem parecem tantos carros. Mas me dei ao trabalho de contar os que aparecem na foto, porque alguns não aparecem, e creio que tenha até mais. No mesmo domingo ocorreu um evento em Campinas com um número talvez até maior de Volkswagens.

É outro mundo.



Tags:

Ah meu Fusca

Ah meu Fusca - o básico também chama atenção

escrito por Fabi Estiga nesta data  26. junho 2017 14:49

Falando ainda sobre Fuscas, ontem no encontro, fiquei bastante tempo perto do nosso, não ao lado, nem dentro e noite uma coisa. Muitas pessoas se interessam por ele.

É um modelo básico, não tem nada de diferente do que saiu da fábrica da Volks em 1978/1979. Apenas o retrovisor direito e o rádio com CD destoam em termos de originalidade. E é assim que penso esse Fusca, nada diferente.

E com tantos carros tão legais e modificados é muito difícil competir. Não tem como. Kombis, Fuscas, Brasílias, Variants impecáveis. Com rodas, bagageiros, luzes... E o nosso Fusca é assim, branco e básico.

Mas olhando de longe, as vezes passava alguém, parava, ficava olhando e se aproximava. Colocando a cabeça mais perto do vidro e tals. Provavelmente tentando recordar alguma lembrança antiga que teve com um Fusca parecido. Isso é legal.

Um carro customizado, e eu estou fazendo um, a Brasablue, é lindo. E é um enorme exercício de pensar algo diferente do que a Volks e seus engenheiros pensaram. Porém só eu terei lembranças com ela.



Tags: , ,

Ah meu Fusca

Dia Mundial do Fusca 2017

escrito por Fabi Estiga nesta data  22. junho 2017 11:55

(aquela nuvem que passa, lá em cima sou eu/ Gravataí 20º) - Isso ai é numa prova de Agility em 2003. Quase 15 anos!!! E eu ainda estou aqui, batendo e apanhando.



Tags:

Agility | Ah meu Fusca

Ah meu Fusca - dois anos conosco

escrito por Fabi Estiga nesta data  10. maio 2017 08:54

Dia 8, deixei passar (até lembrei, mas esqueci). Dois anos do Fusca com a gente. O retorno do que nunca deveria ter ido. Mas agora está com os Estigarribias novamente, ainda que não seja o mesmo. Aqui um breve relato de quando ele chegou, num dia de sol, jogo do Grêmio X Cúrintia... 3x1 pro Tricolor na ARENA.



Tags:

Ah meu Fusca

#ontheroad - de Fusca até Portão

escrito por Fabi Estiga nesta data  26. março 2017 23:11

Era pra encontrar uma galera de Canoas, em Canoas, de um Grupo chamado Independente Volks Clube. Mas o sono não permitiu. Corrida acabou as 4h30min. Dormi até as 10! Coisa boa. Tava precisando depois de uma semana na estrada.

Mas sobre o domingo de Fusca, o comboio seria para um encontro de Volkswagens até Portão. Não fomos. Fizemos o deslocamento solo. Pouco mais de 50 minutos e chegamos lá. A nossa inscrição foi a de número 353, a última do dia!!! Ganhamos camisa, caneca, adesivo e mais umas histórias pra contar.

Lew foi junto e a Vívian tirou essa foto nossa ao lado dessa Kombi incrível. Chegou uma hora que ela se atirou no chão cansada. Difícil ver isso acontecer com um Border, mas é provávelmente o estresse de ver tanta gente em um mesmo lugar.

Encontramos muitas pessoas, compramos uns bagulhos, fiz uns contatos de peças e rodamos com o carro. Foi nosso terceiro encontro de Fuscas e Derivados. Impressionante a quantidade de pessoas que amam esses carrinhos. Não sei bem se foram realmente 353 carros, creio que uns 150 estavam lá.

Na volta, uma passadinha no Graal de Gravataí, único do RS fica bem na nossa cidade, para um Café! Olhando para nosso Besouro que comportou-se extremamente bem nos 100km que rodou. Foi a volta mais longa que já fizemos com ele.

A próxima? Bom, o calendário de encontros de Volkswagens refrigerados a ar é bem complexo. Temos encontros todas as semanas aqui no RS, em cidades de todos os cantos, mas eles começaram a competir com as provas de agility. Vixi, aí deu ruim.



Tags: ,

Ah meu Fusca | carros e caixas | On the Road

Natalíticas 2016 - o Natal

escrito por Fabi Estiga nesta data  24. dezembro 2016 15:22



Tags: ,

Ah meu Fusca | Natalíticas

Natalíticas 2016 - esse Santa Claus...

escrito por Fabi Estiga nesta data  12. dezembro 2016 10:28

de Santa só tem o nome.



Tags:

Ah meu Fusca | Natalíticas

Natalíticas 2016 - bora decorar a árvore - 5993

escrito por Fabi Estiga nesta data  2. dezembro 2016 08:35



Tags:

Ah meu Fusca | Natalíticas

Volkswageria - 5985

escrito por Fabi Estiga nesta data  25. novembro 2016 21:05

Troquei de celular. Esse novo é muito mais rápido que o antigo. Então é bem mais rápido sacar e bater. Abaixo em Candelária. Três Fuscas abandonados, tarde de quarta. O amarelo, falecido, segundo o @gtrevisa, encarnou como vaso. E o cavalo?

Manhã de quinta-feira indo para Santa Maria. 07:00 AM, hora de gente que trabalha já estar na estrada. Eu e a Kombi da galeria do gesso. Luz da placa e do freio... CHECK!!!

Tarde de quinta em Santiago encontrei esse verdinho, debaixo de uma árvore. Ao que tudo indica, o sol andou, a sombra idem e o cara ficou no sol.

Manhã da sexta-feira. Em Santa Maria, aproveitei a parada pra antender um cliente no telefone e tirei essa foto com calma.

Tarde de sexta-feira em, ainda, Santa Maria, essa Brasília me chamou a atenção. Bela cor. Com cara de que foi reformada faz pouco. Copinhos nas rodas, dois frisos nas laterais. Bem legal.

Quase chegando em casa, fim de tarde. Topo com essa velha senhora voltando das compras. Muito verde. Green friday. Bagageiro cheio de melância.



Tags:

Ah meu Fusca | Ah uma Brasa | Ah uma Kombi

Histórias de Volkswagens - mas o motor tá bom

escrito por Fabi Estiga nesta data  31. outubro 2016 23:43

Uma coisa é certa, quem tem carro antigo tem uma história pra contar, sempre! E hoje fomos pela manhã levar a Lew pra tomar a segunda dose da vacina dela. Tomou a primeira meio tarde, e a segundo tivemos que dar uma adiada, então fomos lá de Fusca!

E assim que encostei a porta, tenho a mania de dar aquela olhada no carro antes de virar realmente as costas pra ele, porque adoro meus carros, amo carros, e hoje essa placa tirou com a minha cara.

Dia desses fiquei empenhado com ele, dentro do condomínio. Um misto de problemas. Depois mais tarde, fui na minha mãe de Brasília. Ela perguntou se eu havia pintado a frente. Falei "não, troquei o paralama". Depois comentou "o motor tá bom, né?", no que de pronto respondi "é a única coisa boa nela".

Ela deu uma risada de preocupação. Porque mãe não pensa que você vai ficar empenhado com o carro e pedir socorro. Ela pensa que vai ficar parado na rua com o carro estragado e ao abrir a porta um caminhão vai te atropelar, ou um ladrão vai te assaltar, levar teu celular e não vai poder pedir ajuda, e caminhando pra casa de volta, sem dinheiro e celular, com esse calor e sem boné ficará desidratado!.

Mãe pensa assim.

Um minuto depois de sair desse ponto, cheguei em casa. E depois de estacionar meu vizinho comentou "tá melhorando o carro!". Agradeci e disse "mas tem muita coisa pra fazer ainda". E ele retrucou "mas o motor tá bom!". hehehe. Respondi "e é a única coisa boa que tem no carro". Ele deu uma risada.

Isso é Volkswagen.



Tags:

Ah meu Fusca | Ah uma Brasa

Ah meu Fusca (o\_|_/o) o meu, a brasa e o Bola

escrito por Fabi Estiga nesta data  10. outubro 2016 13:05

Publiquei essa foto no insta, mas também queria ela aqui. Foi uma das fotos, minhas, mais curtidas lá. Não tenho muitos amigos no Instagram. Mas as hashtags me sustentam. Nessa foto faltou apenas uma guitarra, se tivesse eu ali tocando uma viola... ai seria A foto.



Tags: , ,

Ah meu Fusca | Ah uma Brasa

Ah meu Fusca (o\_|_/o) pelo interior de Santa Cruz do Sul

escrito por Fabi Estiga nesta data  26. julho 2016 00:25

Passei nesse lugar na quinta-feira, para antender um cliente nosso. Não vi esse Yellow Fusca Garden. Pensando na vida, pensando no trabalho. Domingo passando novamente pelo mesmo ponto achei o besourão com seu jardim.

Moral da história: os olhos só conseguem ver o que a tua cabeça deixa. Conclusão: deixe a mente livre e aberta.

Sorte do dia, fazer selfie com máquina profissional deixa as fotos com qualidade indiscutível.



Tags: ,

Ah meu Fusca

Ah meu Fusca (o\_|_/o) ajuda pros dias ruins

escrito por Fabi Estiga nesta data  14. julho 2016 10:10

A foto é de uma bobina de Fusca, e um Pikachu pra ajudar. Se você não entendeu é porque não é pra entender mesmo. A foto tirei do Instagram do Luis Antonio Alonso Caceres. Não faço a menor ideia de quem seja, mas deve ser gente boa, gosta de Fuscas e cachorro.



Tags: ,

Ah meu Fusca

Qual a probabilidade?

escrito por Fabi Estiga nesta data  30. junho 2016 23:46

Ai você cria uma conta do Instagram para a escola que você compete (@amigocaoagility). Cria pelo telefone. Ao chegar em casa vê um email na caixa de entrada pedindo para verificar a conta. Dar aquele ok. Ao ver a foto que ilustra a mensagem topa com isso, que está logo abaixo:



Tags:

Agility | Ah meu Fusca

Ah meu Fusca - lobo

escrito por Fabi Estiga nesta data  30. junho 2016 01:01

Dia desses eu topei com a história do símbolo da Volkswagem, o brasão na verdade, que é o mesmo da cidade de Wolfsburg, onde está localizada a primeira fabriga da Volks. A história do Fusca está diretamente ligada a reconstrução da Alemanha pós guerra, foi esse carrinho que iniciou tudo, porque a fabrica da cidade foi uma das poucas que não foram totalmente destruídas.

E os primeiros Fuscas saiam com essa logo, com o brasão da cidade, apelidado aqui como "ô da raposinha". Achei interessante porque tudo que fala em raposa imediatamente me remete ao Nimoy, meu Shetland. Ele parece uma raposa. No entanto o animal retratado é um lobo. Ok, Shetlands também parecem lobinhos, mas estão mais para raposinhas.

Curiosidades a parte, a tradução de Wolfsburg é prisão dos lobos. Triste? Não sei. O meu não tem raposa, nem lobo. Ele é dos mais novos, mas ainda tem o DNA Porsche, de Wolfsburg.



Tags:

Ah meu Fusca

Fabi Estiga

Mais, nas redes sociais.




Agility Esporte - divertimento acima de tudo. Se você faz agility e não se diverte é porque está fazendo errado. Acima de qualquer coisa respeite seu cão, lembre-se que ele nunca erra, não tem culpa e não pediu para praticar o esporte. Assim o bem estar de ambas as partes é primordial sempre. "Praticar é preciso, divertir-se é necessário!"