Elvis, e sua aposentadoria

escrito por Fabi Estiga nesta data  4. abril 2016 10:29

Quando vi a premiação do Elvis no Veterano Standard, falei de cara, "ainda bem que ele está vivo". Porque seria, eu acredito, tão emocionante quanto foi pra Vìvian com ou sem ele estar ali, mas tenho certeza que foi reconfortante o fato dele ainda estar conosco.

A premiação do I Paranaense veio com o terceiro lugar na categoria. Era a temporada de despedida dele mesmo, no final das contas ele não teve uma última prova, um "gran finale". Creio que foi até melhor. Do meio do ano passado pra cá ele tem passado por alguns problemas de saúde, mas está ai. As vezes dormindo bastante, como nesse final de semana, e as vezes bem acordado.

Tendo sido um dos cães mais longevos no esporte dentro do Brasil, competiu por 10 anos. Durante os exames que foram feitos ano passado descobrimos que ele, fora o tumor, estava muito bem de saúde, e boa parte disso foi creditado ao esporte. Por ter sido um atleta.

Perto de completar 13 anos, pra mim, ele continua sendo mesmo cachorro chato que não vem quando eu chamo, que não faz o que eu peço... continua sendo o Elvis de sempre.

Parabéns dupla, por esse último troféu, e vida longa ao rei!



Tags: ,

Agility

Fabi Estiga

Mais, nas redes sociais.




Agility Esporte - divertimento acima de tudo. Se você faz agility e não se diverte é porque está fazendo errado. Acima de qualquer coisa respeite seu cão, lembre-se que ele nunca erra, não tem culpa e não pediu para praticar o esporte. Assim o bem estar de ambas as partes é primordial sempre. "Praticar é preciso, divertir-se é necessário!"