Preparando para competir...

escrito por Virazel nesta data  19. novembro 2014 23:44

O que vou escrever aqui é exclusivamente a minha realidade e a do Fabiano. Isso não é regra, embora alguns tópicos possam também acontecer com outras pessoas.

FATO INICIAL: FINAIS DA COPA CBA.

Desde que voltamos das etapas inicias do Brasileiro, começamos a fazer nossa "poupança" para a prova seguinte, no caso, a Copa CBA. Não temos dinheiro sobrando, então pra dar certo, tem que ser tudo bem planejado, afinal nossa distância é bem longa. Para isso, sim, temos que abrir mão de algumas coisas senão não sobra dinheiro.

Temos que intensificar os treinos, afinal sempre treinamos com o objetivo de competir, porque essa é nossa wibe no Agility. Além disso, independente da prova, temos cão novo pra por em pista, o que exige muito treino.

Como na Copa CBA o grau 2 e 3 competem juntos, Fabiano decidiu focar sua atenção pra Glee que tem sua estreia no Grau 2 e com isso eu entro com o Bola também no 2. Bola não é meu cão de treino, ele está me ajudando a pegar ritmo e me preenche entre a aposentadoria do Elvis e a estreia da Coca. 

Elvis já praticamente aposentado, faz (ou faria) a última etapa de uma competição que ainda tem ranking, mesmo não concorrendo. Termina a Copa CBA em 3º lugar e finaliza. Só resta o final do Brasileiro, se der pra ele competir, embora não tenha ranking nem nada. Só pra ter o gosto de fazer a última pista. Lógico que isso é pra mim, ele continua brincando e fazendo suas atividades físicas em casa para não enferrujar.

Como a Copa CBA não tem um histórico de ser realizada fora do Estado de São Paulo, já preparo a família pra visita.

Por conta da viagem, preparo também o trabalho para a minha ausência.

FATO FINAL: ADIADA A COPA CBA PARA ENTRE ETAPAS DO BRASILEIRO.

O resultado é que todas as observações anteriores que foram programações, ficaram frustradas e não serão cumpridas.

E agora José? A festa acabou, a luz apagou, o povo sumiu, a noite esfriou, e agora José? (Carlos Drummond de Andrade)


Tags:

6CCBA | Divagando

Comentários

20/11/2014 09:01:37 #

Luiza

É foda mesmo...

Luiza Brasil | Reply

21/11/2014 08:36:20 #

Fabiano

A gente nem pensa mais nisso tudo, nas tantas e tantas coisas que fazemos e programamos pelas provas, quase tudo automátizado. Sem falar na família que fica em casa. Cachorro, filho e agora até peixe.

Citando Drummond, tá mais pra "tinha uma pedra no meio do caminho, no meio do caminho tinha uma pedra"

Fabiano Brasil | Reply

Comentar


(Vai mostrar seu Gravatar)

  Country flag

biuquote
  • Comentário
  • Pré-visualização
Loading



Vívian Razel

Começou dentro do agility por volta de 1999 em São Paulo, primeiro apenas acompanhando as provas de agility, frequentando treinos e aulas de adestramento. Alguns anos mais tarde surgiu a possibilidade de comprar seu primeiro Border Collie, em 2003. Elvis, cão que... leia mais

 


Últimos Comentários

Comment RSS


Agility Esporte - divertimento acima de tudo. Se você faz agility e não se diverte é porque está fazendo errado. Acima de qualquer coisa respeite seu cão, lembre-se que ele nunca erra, não tem culpa e não pediu para praticar o esporte. Assim o bem estar de ambas as partes é primordial sempre. "Praticar é preciso, divertir-se é necessário!"